12.01.2020
Blogs

HOW TO: Ativismo de marca na era Black Lives Matter

foto preto e brando de um home de costas pendurando um cartaz do BLM

Há uma crescente conscientização entre as marcas – e cobrança por parte dos consumidores – sobre a urgência de se combater a desigualdade étnica. Nesse contexto, a consultoria WARC lançou um guia sobre ativismo de marca na era do Black Lives Matter, com uma série de orientações e estratégias para ajudar as organizações a lidar com essa questão de forma consistente e efetiva. 

 

Aqui na Verizon Media, estamos seriamente comprometidos com essa transformação. Revisitamos continuamente nossas práticas de gestão de forma a garantir a diversidade do nosso time, e conseguimos assegurar 100% de equidade salarial com relação a etnia, nos Estados Unidos. Em apoio ao empreendedorismo negro, anunciamos recentemente uma série de investimentos no marketing desses negócios e a doação de US$ 10 milhões para organizações voltadas para a igualdade social. 

 

Confira, a seguir, alguns dos insights do relatório da WARC sobre como usar os recursos da sua marca para lutar contra a injustiça racial. 

 

Ações de marketing

. Trabalhe com times diversos. Para se conectar significativamente com o mercado que você busca atingir, é preciso ter uma equipe que realmente reflita a pluralidade dessa comunidade.

 

. Procure identificar preconceitos dentro e fora da sua organização – para assim poder combatê-los. Treine seu time para isso.

 

. Leve o antirracismo para o casting. Não se trata apenas de incluir pessoas negras em um universo de brancos. 

 

. Não adapte para a audiência negra um briefing criado com outros grupos em mente. Efetividade está relacionada a insights, não a estereótipos.

 

. Na hora de tomar decisões, se assegure de que há uma diversidade de culturas e perspectivas no time, e de que todos se sintam empoderados para falar.

 

. Reveja escolhas de mídia e publicidade de forma a representar pessoas negras com respeito e verdade. 

 

. Esteja preparado para lidar com a polarização e com reações negativas ao seu posicionamento social e político. 

 

. Entenda que, na era do pós-propósito, é imperativo passar do storytelling para o storydoing.

 

. Trabalhe em parceria com organizações de mídia cujos proprietários representam minorias étnicas e promovem o desenvolvimento da comunidade negra.

 

Práticas organizacionais e modelos de negócio

. Assegure a diversidade no recrutamento e no desenvolvimento profissional.

 

. Faça doações para grupos voltados para a promoção da justiça racial.

 

. Treine seus funcionários, particularmente a liderança, com relação a antirracismo e equidade étnica.

 

. Amplifique vozes negras por meio das plataformas da sua marca.

. No varejo, destine pelo menos 15% de suas prateleiras para produtos de empreendedores negros. 

 

. Proporcione mentoria, investimento financeiro e treinamento para profissionais e empreendedores negros. 

 

. Busque formas inovadoras de usar os recursos de sua marca para promover o desenvolvimento de comunidades negras e seus negócios. 

 

. Procure fazer com que funcionários e parceiros de negócios estejam sintonizados com os valores da marca, efetivamente agindo de forma antirracista.

 

  • Anuncie aqui
  • Find the right advertising solutions for your business.
  • Join us
  • Spend every day connecting people with the things they love.
  • Siga-nos
© 2021 Verizon Media. All Rights Reserved